terça-feira, 24 de maio de 2016

O teu amor




O teu amor, meu amor, escreve-se com palavras brancas,
Que rasgam a pele numa melodia que encanta,
E nos deixam perdidos neste mar distante.

O teu amor, meu amor, escreve-se no correr dos ventos
Que incendeiam os olhos de novos pensamentos
E renovam esperanças de um querer reconfortante.

O teu amor, meu amor, escreve-se com o brilho da dor 
Que no reboliço das noites frias tem cruel sabor
E nos engravidam as veias desse veneno errante.  

O teu amor, meu amor, no mar é um porto de abrigo
Mas procurando refúgio encontramos duro castigo
De amar por amor cada vez mais forte e constante. 

O teu amor, meu amor, somos nós as estrelas e a cor,
Amando neste mar as dores são o querer viver
Sendo sempre nós, os melhores amantes.

luíscoelho
Maio/2016

19 comentários:

  1. Poema sublime! Adorei

    Beijos

    http://coisasdeumavida172.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  2. Maravilhoso,Luis! Bela e romântica inspiração! abração,chica

    ResponderEliminar
  3. Nesse mar tão distante,
    não se percam com o amor
    sopra o vento de levante
    nas velas do barco a vapor!

    Gostei de ter lido esse belo poema, "o teu amor", amigo Luís,
    tenha uma boa tarde, um abraço,
    Eduardo.

    ResponderEliminar
  4. O teu Amor tem saudades
    Das saudades que deixou.
    E quantas são as verdades
    Que o teu Amor calou.



    Abraço
    SOL

    ResponderEliminar
  5. Um belíssimo poema, amigo. Aliás como a maioria dos que tenho lido seus.
    Um abraço e bom feriado

    ResponderEliminar
  6. Que lindo é o amor nesta suas palavras mestre.
    Aplausos pela inspiração iluminada.
    Meu terno abraço.

    ResponderEliminar
  7. Um hino ao amor, num poema maravilhoso.
    Beijinhos
    Maria

    ResponderEliminar
  8. ~~~
    Que poema encantador, Luís!

    Tocante, de tão belo e sentido...

    Beijinhos e abraços para a tua musa

    e para ti - um genuíno poeta romanesco...
    ~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~~

    ResponderEliminar
  9. O teu amor, chora quando tu choras,
    O teu amor canta quando tu cantas
    O teu amor está presente todas as horas
    quando te deitas e quando te levantas
    O teu amor sorri quando tu também sorris
    porquanto, as felicidades são tantas
    porque o teu amor é feliz, te faz feliz!

    Boa sexta-feira. amigo Luís, um abraço,
    Eduardo.

    ResponderEliminar
  10. Abraçar um amor, gostei de ler o difícil é comentar.
    Bom fim de semana.
    Abraço

    ResponderEliminar
  11. Há amores assim, que são a fuga e o chão que nos guarda. Há amores assim, que dão ao poeta as palavras certas para o nomear... Muito belo!
    Beijos.

    ResponderEliminar
  12. E o amor é o nosso porto de abrigo, neste mar nem sempre calmo que é a vida; um amor sincero nos aconchega quando a maré é alta e as ondads sobem no ar raivosas. O amor deve-se escrever nas páginas da vida de todas as cores, menos as cinzentas e as negras, já que o próprio dia muitas vezes nos chega nesses tons tristes. Luis, escreveste esse teu amor lindo de uma foram leve, suave e doce que nos deliciou a todos; o amor é simples, por mais que o ser humano tente complicaá-lo. Obrigada, Luis, pelo belo momento. Uma boa semana. Um beijinho
    Emilia

    ResponderEliminar
  13. Excelente poema de amor.
    Parabéns, gostei imenso das tuas palavras poéticas.
    Luís, tem uma boa semana.
    Abraço.

    ResponderEliminar
  14. Falas de amor com grande inspiração,
    ]Um abraço.
    Élys.

    ResponderEliminar
  15. Caro Luis, o seu poema é da melhor qualidade. Poema que é escrito com inspiração e transpiração, como sempre vejo em seus poemas, amigo poeta. Parabéns.

    Vou aproveitar o ensejo para dizer-lhe que o meu blog PANORAMA não mais está aberto para comentários, mas outro blog meu, bLog VEREDAS, que o tenho há cerca de cinco anos, está aberto para comentários. Então, envio-lhe o link do Veredas:
    https://pedrolusodcarvalho.blogspot.com
    Uma boa semana.
    Um abraço.
    Pedro.

    ResponderEliminar
  16. Gostei imenso de reler este teu excelente poema de amor.
    Caro Luís, tem um bom domingo e uma boa semana.
    Abraço.

    ResponderEliminar
  17. Meu amigo passei para deixar um abraço
    MAria

    ResponderEliminar